amelia toledo

1926, São Paulo, Brasil
2017, São Paulo, Brasil

exposições individuais

2017
Amelia Toledo: Lembrei que esqueci. Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo, São Paulo, Brasil

2015
Amelia Toledo. Galeria Marcelo Guarnieri, São Paulo, Brasil

2014
Forma fluida. Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil

2012
Amelia Toledo / Olhar Atual. Dan Galeria, São Paulo, Brasil

2007
Novo Olhar / Amelia Toledo. Museu Oscar Niemeyer. Salas Miguel Bakun e Guido Viaro, Curitiba, Brasil
Entre, a Obra Está Aberta. exposição itinerante. Museu de Arte Contemporânea, Centro Dragão do Mar, Fortaleza, Brasil
Amelia Toledo: Diálogos de Tempos e Espaços. Galeria Nara Roesler, São Paulo, Brasil

2006
Entre, a Obra Está Aberta. exposição itinerante. Museu de Arte de Santa Catarina, Florianópolis, Brasil

2005
Viagem ao Coração da Matéria. Instituto Tomie Othake, São Paulo, Brasil

2004
Arte Aventura. Galeria Nara Roesler, São Paulo, Brasil

2001
Das Nuvens às Cores do Escuro. Galeria Nara Roesler, São Paulo, Brasil
Amelia Toledo. Gallery Gan, Tóquio, Japão

1999
Entre, a Obra Está Aberta. Galeria de Arte do SESI/FIESP, São Paulo, Brasil

1998
Peles da Cor. Galeria São Paulo, São Paulo, Brasil
Amelia Toledo: Ateliê FINEP. Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil

1996
Horizontes. Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, Brasil
Light Weigth. Galeria São Paulo, São Paulo, Brasil

1994
Estação Amelia. Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
Brazilian. American Cultural Institute / BACI, Washington, EUA

1993
Caminhos para Olhar (retrospectiva). Museu de Arte de São Paulo, São Paulo, Brasil
Cortes na Cor. Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro, Brasil

1992
Amelia Toledo. Galeria do Instituto Brasil – Estados Unidos — IBEU, Rio de Janeiro, Brasil

1991
O Todo na Parte. Museu da Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, Portugal

1990
Amelia Toledo: Pinturas e Aquarelas. Paulo Figueiredo Galeria de Arte, São Paulo, Brasil
Amelia Toledo: Pinturas e Luzango. Casa Grande Galeria de Arte, Goiânia, Brasil

1989
Amelia Toledo: Pintura / Escultura. Espaço Capital Arte Contemporânea, Brasília, Brasil

1988
Amelia Toledo. Montesanti Galleria, São Paulo e Rio de Janeiro, Brasil

1987
Amelia Toledo. Galeria Aktuell e Galeria GB, Rio de Janeiro, Brasil

1986
Nos Limites da Cor. Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Brasil
Amelia Toledo. Galeria Tina Presser, Porto Alegre, Brasil
Amelia Toledo. Espaço Capital Arte Contemporânea, Brasília, Brasil
Amelia Toledo. Augôsto Augusta, São Paulo, Brasil

1985
Pintura × Pintura. Galeria Luiza Strina, São Paulo, Brasil

1984
Amelia Toledo. Pinturas. Galeria Luiza Strina, São Paulo, Brasil

1983
Amelia Toledo. Galeria Sergio Milliet/FUNARTE, Rio de Janeiro, Brasil

1982
Amelia Toledo. Paulo Figueiredo Galeria de Arte, São Paulo, Brasil

1980
Amelia Toledo: Aquarelas. Augôsto Augusta, São Paulo, Brasil

1979
Múltipla Escolha do Dia-a-Dia. Galeria da Aliança Francesa, Rio de Janeiro, Brasil

1975
Emergências. Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro, Brasil

1971
Homenagens e Dedicatórias. Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil

1969
Amelia Toledo: Esculturas. Galeria Bonino, Rio de Janeiro, Brasil

1966
Objetos Amelia Toledo. Galeria Atrium, São Paulo, Brasil

1961
Jóias de Amelia Toledo. Oca Arquitetura e Interiores, Rio de Janeiro, Brasil

1960
Amelia Toledo. Galeria Ambiente, São Paulo, Brasil

1957
Amelia Toledo. Galeria Ambiente, São Paulo, Brasil

exposições coletivas selecionadas

2018
Arte tem gênero?. Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
A marquise, o MAM e nós no meio. Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil
Coleções no MUBE: Esculturas para ouvir. Museu Brasileiro da Escultura e Ecologia, São Paulo, Brasil
Nodus Vitale. MASC, Santa Catarina, Brasil
Radical Women: Latin American Art, 1960–1985. Brooklyn Museum, Nova York, Estados Unidos
Novos Horizontes. Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, Brasil

2017
Coletiva, Galeria Marcelo Guarnieri, São Paulo, Brasil
Monumental: Arte na Marina da Glória. Marina da Glória, Rio de Janeiro, Brasil
Radical Women: Latin American Art, 1960-1985. Hammer Museum, Los Angeles, EUA
Pedra do no Céu, Museu Brasileiro da Escultura, São Paulo, Brasil

2016
Visões da Arte no Acervo do MAC USP 1900 – 2000. Curadoria de Ana Magalhães, Carmen Aranha e Helouise Costa. MAC USP – Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, Brasil
Radical Women: Latin American Art, 1960-1985. Curadoria de Cecilia Fajardo-Hill e Andrea Giunta. Hammer Museum, Los Angeles, EUA
Amelia Toledo / Mira Schendel. Galeria Marcelo Guarnieri, Ribeirão Preto, Brasil
Transparência e Reflexo. Curadoria de Cauê Alves. MuBE – Museu Brasileiro da Escultura, São Paulo, Brasil

2014
Contínuo. Galeria Marcelo Guarnieri, Ribeirão Preto, Brasil
Contínuo. Galeria Marcelo Guarnieri, São Paulo, Brasil

2010
Tékhne. FAAP- Fundação Armando Álvares Penteado, São Paulo, Brasil

2007
Futuro do Presente. Itaú Cultural, São Paulo, Brasil

2005
Pintura Reencarnada. Paço das Artes, São Paulo, Brasil

2004
90 Anos:Tomie Ohtake. Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro, Brasil

2003
Lugar de Encontros: Amelia Toledo entre Nós. Universidade Cidade de São Paulo, São Paulo, Brasil
Tomie Ohtake na Trama Espiritual da Arte Brasileira. Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil

2002
Omaggio al Brasile. Associazzone Stelle Cadenti, Viterbo, Itália

2001
A Trajetória da Luz na Arte Brasileira. Itaú Cultural, São Paulo, Brasil

2000
Arte Conceitual e Conceitualismos: 70 Anos no Acervo do MAC/USP. Galeria de Arte do SESI, São Paulo, Brasil

1997
Arte Brasileira: 50 Anos de História no Acervo MAC/USP. Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil

1996
Organicus. Instituto Cultural Brasileiro em Berlim, Berlim, Alemanha
Galerie Drei. Dresden, Alemanha
Arcos da Lapa. Laboratoire de Sculpture Urbaine, Rio de Janeiro, Brasil

1994
Bienal Brasil Século XX. Fundação Bienal de São Paulo, São Paulo, Brasil
Livro-objeto A Fronteira dos Vazios. Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, Brasil

1993
UltraModern: The Art of Contemporary Brazil. National Museum of Women in the Arts, Washington, EUA
Brasil: Segni d’Arte (exposição itinerante). Fondazione Scientifica Querini Stampalia, Itália

1992
Polaridades/Perspectivas. Paço das Artes, São Paulo, Brasil

1989
Panorama da Arte Atual Brasileira — Papel. Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil

1988
Panorama da Arte Atual Brasileira — Formas Tridimensionais. Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil

1987
Em Busca da Essência. XIX Bienal Internacional de São Paulo, São Paulo, Brasil

1986
Panorama da Arte Atual Brasileira — Pintura. Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil
XX-XXI: uma Virada no Século. Pinacoteca do Estado, São Paulo, Brasil

1985
Destaques da Arte Contemporânea Brasileira. Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil

1984
Panorama da Arte Atual Brasileira — Arte sobre Papel. Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil
Tradição e Ruptura: Síntese de Arte e Cultura Brasileiras. Fundação Bienal de São Paulo, São Paulo, Brasil

1983
XVII Bienal Internacional de São Paulo, São Paulo, Brasil

1981
Panorama de Arte Atual Brasileira — Escultura. Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil

1980
Muestra del Cine y 16 mm. Museo de Arte Moderno, Cidade do México, México

1979
Contemporary Brazilian Works on Paper. Nobe Gallery, Nova York, EUA
I Trienal Latinoamericana del Grabado, Buenos Aires, Argentina

1976
Small Press Festival. Galerie Kontakt, Antuérpia, Bélgica

1975
Panorama de Arte Atual Brasileira — Escultura. Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil
Singnale Nachrichten Botschaften. Selb, Alemanha
Eighteen Modern Artists from Brazil. Spazio Alternative da Universitá di Padova, Montecatini, Itália

1974
Art Systems in Latin America. Institute of Contemporary Art, Londres, Inglaterra
Galleria Civica D’Arte Moderna. Ferrara, Itália
Org. Centro de Arte y Comunicación. Buenos Aires, Argentina
Visual Poetry International. Utrecht, Rotterdam, Amsterdam

1973
Jovem Arte Contemporânea. Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil

1971
XI Bienal de Escultura de Middleheim. Antuérpia, Bélgica
Amelia Toledo, Donato Ferrari, Mira Schendel. Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil

1967
IX Bienal Internacional de São Paulo, São Paulo, Brasil
III Salão de Arte Contemporânea, Campinas, Brasil

1965
VIII Bienal Internacional de São Paulo, São Paulo, Brasil

1964
I Bienal de Arte Aplicada, Punta Del Este, Uruguai

1963
VII Bienal Internacional de São Paulo, São Paulo, Brasil

1959
Coletiva. Central School of Arts and Crafts, Londres, Inglaterra

obras em acervos de museus e instituições culturais

Centro Cultural Banco do Brasil (Rio de Janeiro)
Centro Cultural São Paulo (São Paulo)
Fundação Calouste Gulbenkian (Lisboa)
Fundação Padre Anchieta (São Paulo)
Itaú Cultural (São Paulo)
Museu de Arte de Santa Catarina (Florianópolis)
Museu de Arte Contemporânea de Campinas (Campinas, SP)
Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (São Paulo)
Museu de Arte Contemporânea – Centro Dragão do Mar (Fortaleza)
Museu de Arte Moderna de São Paulo (São Paulo)
Museu de Arte Moderna de São Paulo — Jardim de Esculturas (São Paulo)
Museu Oscar Niemeyer (Curitiba)
Museu de Arte de São Paulo (São Paulo)
Pinacoteca do Estado (São Paulo)

formação

Escultora, pintora, desenhista, designer. Em 1958, freqüenta a London County Council Central School of Arts and Crafts, em Londres. De volta ao Brasil, em 1960, estuda gravura em metal com João Luís Oliveira Chaves (1924), no Estúdio/Gravura. Obtém, em 1964, o título de mestre pela Universidade de Brasília – UnB. Desde a metade dos anos 1960, leciona na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Mackenzie e na Faculdade Armando Álvares Penteado – Faap, em São Paulo, e na Escola de Desenho Industrial – Esdi, no Rio de Janeiro.

adminamelia toledo: cv